quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Que Beleza! estreia com derrota no Interperíodos

Em jogo disputado, equipe perde por 4 a 2 para o Revirão.

A equipe estava motivada com a preparação e com a vitória do time feminino. Mas um esquema de jogo covarde frustrou os planos quebelezenses...

A equipe inicial contava com Rômulo Rosa, Ranieri Victorino, Ulisses Souza, Angelo Tosta e Renan Romano. Equilibravam bem o jogo, mas o Revirão abriu o placar. A marcação estava correta, mas o time jogava muito recuado, chamando o adversário para seu campo. Guilherme Pimentel, o artilheiro, entrou no lugar de Renan para tentar dar ao time a qualidade ofensiva que faltava. E numa bela cobrança de falta, Guilherme empatou o jogo.

A marcação do time era excelente. Ranieri era o xerife da zaga, tendo uma atuação impecável. Angelo tentava construir boas jogadas de ataque, mas parava na falta de movimentação do ataque. Ulisses era quem mais aparecia livre, mas não conseguia finalizar. Renan mostrava despreparo físico. Lucas Bernardino e Vítor Bara entraram, cada um com uma função. Lucas fazia a função de Ulisses, defendendo e passando nas laterais quando possível. Vítor jogou na ponta, mas também tinha dificuldades em atacar.

O Que Beleza! não jogava para ganhar: jogava para não perder; o medo de perder superou a vontade de ganhar. O primeiro tempo terminou com o placar de 2 a 1 para o Revirão. O gol saiu no finalzinho, após uma jogada de escanteio. Rômulo teve uma atuação convincente, sem culpa nos gols e até mesmo salvando o time do pior em alguns lances.

“Jogamos como time pequeno”, detonou o camisa 10, pastor, modelo e atriz, Angelo Tosta.

Na segunda etapa, o famoso ‘drible a mais’ foi o grande problema da equipe. Com a marcação boa, faltava atacar. E quando o time ia para cima, não finalizava, quase sempre parando na defesa adversária. Em uma rara falha de marcação o Revirão ampliou o placar, e, numa falta inexistente, chegou ao quarto gol.

O Que Beleza! tinha pouco tempo para reagir, e foi com tudo pra cima, o que já deveria ter sido feito antes. Após uma tabela entre Guilherme Pimentel e Angelo, o segundo gol saiu, num chute de Guilherme, quase sem ângulo.

O apito final trouxe reflexões. A disposição ofensiva e a função de ‘fazer a bola chegar no ataque’ terão de ser aprimoradas.

“É momento de sentar e refletir”, poetizou Ulisses, após ser informado que o Ibope do SBT havia despencado a derrota.

“O time sentiu o terceiro gol. Marcamos bem, mas faltou atacar, arriscar o chute. Vamos continuar trabalhando e buscar os três pontos no próximo jogo”, desabafou o goleiro Rômulo Rosa.

Que Beleza! 2x4 Revirão

Ginásio da Faefid

Que Beleza!: Rômulo Rosa, Ranieri Victorino, Ulisses Souza, Angelo Tosta, Renan Romano, Guilherme Pimentel (2 gols), Lucas Bernardino, Vítor Bara e Rafael Antunes.

Revirão: 4 gols

Público pagante: só os jogadores
Público presente: bastante gente, viu?
Renda: toda pro D.A.W.H

O próximo desafio do Que Beleza! será arrumar essa porra desse ataque no domingo, às 14h, contra o Nova Geração, na FAEFID. A torcida precisa comparecer em massa. Para isso, a diretoria do clube preparou uma campanha motivacional:

Curta o Que Beleza! no Facebook, clicando AQUI

Siga-nos no twitter: @QueBelezaFC

Siga-me no twitter: @LucasBernardino

2 comentários:

  1. a atuação do time melhorou significativamente em relação ao ultimo interperíodos!
    vamo lá que ainda dá timeee!!!

    ESSA É A MINHA VIDA, ESSE É O MEU CLUBE!!

    ResponderExcluir
  2. Falta só definir posição galera, time não é ruim !
    Pra cima deles, Que Beleza! ...

    ResponderExcluir